A logística de transporte desempenha um papel que vai além da movimentação de cargas. Isso acontece porque a logística hoje em dia ocupa uma posição estratégica dentro das empresas. Assim, sua influência acaba atingindo outros setores, incluindo os de vendas, suprimentos e financeiro.

Os empreendedores vem buscando cada vez mais maneiras de qualificar seus serviços, aumentar a produtividade e conquistar novos clientes. Como cada passo nesse sentido deve ser feito de maneira assertiva, toda transportadora precisa saber lidar com os desafios que o mercado apresenta.

Neste artigo, vamos esclarecer o que é logística de transporte, quais seus principais desafios e como superá-los para crescer. Acompanhe!

O que é logística de transporte e qual seu objetivo?

Logística é um ramo que trata das tarefas de planejar, executar e controlar o transporte de bens e mercadorias. Isso inclui a movimentação e o armazenamento de cargas de maneira cada vez mais eficiente.

A logística de transporte deve fazer parte do planejamento estratégico da empresa, já que controla e busca otimizar os processos tanto dentro quanto fora da transportadora.

A logística coordena a distribuição de suprimentos e materiais necessários para a empresa desempenhar suas atividades. Assim, garante que essas atividades ocorram da forma exigida, além de cumprir com os prazos de entrega combinados nas negociações. 

Como funciona a logística de transporte?

A logística de transporte funciona tratando das tarefas que envolvem:

  • Planejamento;
  • Execução;
  • Controle do transporte;
  • Movimentação e armazenamento de cargas.

Sendo assim, como mencionamos acima, nota-se o quanto a logística é importante para o planejamento estratégico e competitividade de um negócio no mercado em que atua.

Entretanto, vale lembrar que além de sua importância todos os processos da empresa, a logística também representa uma boa fatia do custo do produto ou serviço, e esse valor precisa ser repassado ao cliente. 

Computador emitindo um CTe

Emita CTe online, MDFe e CIOT em segundos, no automático, de qualquer lugar. Não precisa instalar nada, basta acessar e usar. Experimente!

Tipos de logística de transporte 

Normalmente, a logística de transporte é dividida em três partes: suprimentos, produção e distribuição. No entanto, muito se fala atualmente sobre logística reversa também. Então vejamos cada uma delas:

1) Suprimentos

Também conhecida como gestão de matéria-prima e suprimentos, é um dos procedimentos essenciais para as transportadoras, porque gerencia os materiais necessário para a produção, incluindo: 

  • Fornecedores;
  • Transporte;
  • Armazenamento;
  • Distribuição.

Sendo assim, esse setor fica responsável pelo controle de estoque e pelo correto armazenamento dos materiais que deverão ser entregues. 

2) Produção

Essa parte fica responsável pelo processo de fabricação ou de movimentação de materiais dentro da organização, já que possui ligação direta com controle do estoque. Desta forma, envolve o fluxo de materiais da transportadora, bem como o abastecimento e a distribuição do produto. Essa área também é responsável por avaliar as necessidades do mercado a fim de evitar desperdícios, além de focar no lucro da empresa.

3) Distribuição

Essa etapa gerencia o pedido do cliente e os meios de distribuição para que o produto seja entregue. Ou seja, aqui se administra o estoque do produto fabricado, a armazenagem desse produto e a entrega para o consumidor.

4) Logística Reversa

Esse é o tipo de logística de transporte mais recente e tem um papel sustentável, pois possibilita o reuso de materiais trazendo-os de volta ao estoque. Se os materiais estiverem em boas condições, poderão ser reutilizados. Do contrário, é realizado o descarte adequado da matéria-prima.

Com isso, é possível melhorar a imagem corporativa das empresas enquanto se rediz custos. As embalagens retornáveis, as coletas seletivas e outras medidas nesse sentido faze parte da logística reversa.

Veja também:

Qual a diferença entre um operador logístico e um de transporte?

Para entendermos a diferença entre operador de transporte e operador logístico, vale lembrar que o papel principal da transportadora se restringe ao transporte de uma carga de um ponto a outro, seguindo regras de capacidade e prazos.

Já o operador logístico, oferece uma ampla variedade de atividades, de forma integrada, ficando responsável pela execução e gerenciamento dessas atividades. Um operador logístico pode responder por toda cadeia de materiais, incluindo recebimento, armazenagem, controle, manuseio, embalagem e transporte até a entrega final.

Assim sendo, o nível de serviço com o cliente são totalmente diferentes entre uma transportadora e um operador logístico.

Como funciona a logística de distribuição?

Logística de distribuição é um conjunto de atividades relacionadas com a gestão das mercadorias, desde o momento em que elas saem da fábrica até a entrega ao cliente. Nesse caminho ocorrem várias atividades relacionadas ao estoque, vendas, transporte e prestação de contas.

A logística de distribuição tem o foco em otimizar a distribuição das mercadorias e tornar esse processo mais rápido e mais seguro e, se possível, mais barato também. Ela é importante para não desperdiçar tempo, dinheiro e outros recursos como insumos e mão-de-obra. Se bem aplicada, permite controlar mais atentamente a trajetória da mercadoria, da fábrica ao cliente final. 

Para atingir essa meta, é importante planejar e seguir um certo fluxo, ou seja, um conjunto de estratégias que envolvem diversas áreas da empresa, incluindo o setor comercial. Cada uma das áreas da empresa deve pensar nas melhores maneiras de se comunicar com o cliente, entender suas demandas e estocar a mercadoria, criando canais de venda que sejam eficientes. 

Tudo certo sobre logística de transporte? Se este artigo foi útil para você, considere compartilhá-lo com outras pessoas que podem estar com dúvidas sobre esse assunto. Aproveite para se inscrever na newsletter gratuita do SimplesCTe e receba as próximas matérias diretamente em seu e-mail.

 

Gostou dessa matéria?

Inscreva-se na newsletter gratuita e receba novos conteúdos no seu e-mail!

programa de parcerias

Deixe uma resposta